Enunciadas as linhas gerais da teoria que suporta a ação de uma equipa de marketing de conteúdo, tempo de olhar para um caso prático e entender melhor o quotidiano de uma equipa responsável pela produção do conteúdo.

Se no passo anterior aprofundamos as questões que surgem aquando da criação da equipa responsável pelo marketing de conteúdo, é tempo de ir além destas perguntas para as quais já definimos as respostas. Recordemos:

  • O que deve ter em conta antes de formar a equipa de marketing de conteúdo?
  • Que atributos devem ter os colaboradores ou empresa de marketing de conteúdo?
  • Quais e quantos colaboradores deve ter a equipa?

Neste exercício em particular vamos viver por dentro os desafios e tarefas de uma equipa de marketing de conteúdo.

Marketing de conteúdo: desafios e tarefas

Dada a necessidade permanente de criar conteúdo para as diversas plataformas, o esforço diário de uma equipa de marketing de conteúdo exige que sejam cumpridas regras que ajudarão a que o processo decorra sem sobressaltos, especialmente em equipas sujeitas à rotatividade dos seus elementos.

1 - Identificação do tema

  • A escolha do tema para a publicação, primeiro passo na criação de qualquer conteúdo, deve seguir a planificação na qual deverão constar as orientações gerais sobre os assuntos que suportam a respetiva estratégia de marketing digital.
  • A cada um dos temas podem corresponder vários subtemas, sendo importante que cada subtema tenha bem clarificadas as respetivas palavras-chaves, palavras essas que terão de constar do conteúdo publicado.

Realizada a escolha do tema, selecionadas as palavras-chave correspondentes, é tempo de arregaçar as mangas e escrever o artigo. Um processo que não pode, em momento algum, abdicar das buyer personas a quem se destina.

Os conteúdos deverão ser relevantes e informativos. O objetivo das publicações num blog e a sua partilha nas redes sociais, no âmbito de uma completa e eficaz estratégia de Inbound Marketing, servem para atrair, envolver e encantar o cliente-alvo.

Para conquistar confiança, credibilidade e impulso é necessário que cada publicação acrescente valor a cada fase da jornada do cliente.

Conselho: elaborar um calendário - semanal, mensal ou anual - com a lista de temas, estabelecendo as prioridades ao longo de uma linha temporal.

2 - O texto

  • Um artigo num blog ou site, não é apenas texto. Segue regras como as descritas no ponto anterior - temas, sub-temas, palavras-chave e buyer personas - e deve seguir um conjunto de passos que o tornarão eficaz e relevante para a estratégia de marketing de conteúdo. Atentemos nos seguintes destaques na construção do artigo.

Estamos a falar de um texto que deve assemelhar-se a um artigo jornalístico no sentido em que deve incluir um título; um "lead" – que corresponde ao primeiro parágrafo do texto – e o corpo do texto, que desenvolve os elementos que fazem parte do tema.

Lembre-se: título, antetítulo, entrada, subtítulos e fotografia constituem momentos desta construção, que deverá ter unidade, coerência e eficácia informativa.

Técnica importante na elaboração de qualquer texto. A resposta a estas seis perguntas:

1. O quê?

2. Quem?

3. Quando?

4. Onde?

5. Como?

6. Porquê?

Esta regra, que serve para ajudar a redigir, não é, contudo, uma imposição absoluta.

Conselho: a realidade da globalização, aconselha que o blog ou site seja multilingue.

3 - A publicação

O mercado oferece hoje em dia variados CMS, mas seja Wordpress ou Hubspot, por exemplo, há aspetos que são transversais e dos quais não pode abdicar aquando da construção do conteúdo.

O primeiro desses aspetos é obrigatório e deve ser respeitado antes mesmo de carregar no botão “publicar”. Falamos da revisão.

Pedir a um colega, no caso da equipa não incluir um revisor, que “passe os olhos” pelo texto será sempre uma boa ideia. Dessa forma aumenta a probabilidade de ser detetado um erro que escapou a 1001 olhares anteriores,

Neste passo, a que chamamos revisão, não se trata apenas do texto do artigo, mas também da imagem de destaque, da aparência visual e ainda dos tópicos/tags. Tudo deve ser revisto e corrigido, se necessário.

Imagem de destaque

Deve optar por uma imagem visualmente interessante e relevante para o conteúdo. Devemos lembrar que está também a escrever para as redes sociais e estas dão bastante importância ao conteúdo com imagem. O aspecto visual é fundamental para o sucesso do seu blog.

Aparência visual

Será uma verdade La Palice, mas é óbvio que ninguém vai gostar de um post de blog feio. Na prática, além da atenção que deve dar às fotos e imagens, deve ter mil cuidados com a formatação e a organização do post.

Tags

É através das tags - palavras-chave específicas que descrevem um post -. que os leitores conseguirão procurar mais conteúdo na mesma categoria do blog ou site. Dica importante: não adicionar uma lista extensa de tags em cada post, ou seja, pense nelas como meros “tópicos” ou “categorias” e escolha de 10 a 20 tags que representam os principais tópicos que abordará no blog.

Cumpridos estes passos, colocado o essencial call to action (CTA) de qualquer estratégia de marketing digital, pode finalmente carregar no botão publicar. O seu conteúdo está agora acessível ao público.

4 - A partilha nas redes sociais

Um passo importante de qualquer estratégia de marketing digital passa pelas redes sociais. São hoje em dia um veículo de promoção essencial para qualquer género de marca.

O conselho prático é simples: deve elaborar um calendário de publicação nas redes sociais, sabendo assim o que publicou, o que irá publicar e, muito importante, quais os melhores horários de publicação em cada uma das redes sociais.

5 - O mapa da planificação

O artigo está publicado, mas isso não quer dizer que o trabalho da equipa ou empresa de marketing de conteúdo está concluído.

Falta ainda colocar as publicações no mapa de planificação, preenchendo os campos criados que podem ser a data de publicação, o link, o tema, as partilhas nas redes sociais, as palavras-chave usadas, as buyer personas incluídas.

A lista pode ser o mais ou menos extensa, dependendo da finalidade que lhe é atribuída.

QUEM SOMOS

AP Portugal - Tech Language Solutions é uma empresa portuguesa de tradução certificada pela Norma Internacional da Qualidade ISO 17100, representante oficial da tecnologia Wordbee, com uma agência de tradução em Lisboa e outra agência de tradução no Porto. Reconhecida internacionalmente pelas suas competências tecnológicas de localização e tradução de websites, SEO multilingue, locução, legendagem e interpretação, aposta com entusiasmo no desenvolvimento da cooperação em Luanda, Maputo, Bissau, Praia, São Tomé , Dili e qualquer ponto do mundo onde a sua organização ou instituição necessite de um parceiro especializado em mais de 125 pares linguísticos.

Pode ainda seguir-nos nas redes sociais Facebook, Twitter e Instagram.

Artigos Relacionados:

Nunca alcançará o seu público-alvo sem antes definir as buyer personas. Esta é uma...

Artigos Relacionados:

Toda e qualquer resposta começa com uma pergunta: o que é, de facto, o inbound...

Artigos Relacionados:

Assumida a ideia de que nenhuma estratégia de marketing digital será capaz de...

Comentários

Subscrever Blog